(81) 3222.5390
Em 26 de abril de 2021 - às 8:35

Conatig exalta Sindgraf-PE pela ação sindical efetiva e junto com o gráfico

Na última quinta-feira (22), dia em que o sindicato completou 87 anos de fundação, o presidente da entidade maior da categoria no Brasil (Conatig), Leonardo Del Roy, fez questão de parabenizar os gráficos de PE em função do sindicato combativo que possuem. Além do aniversário, destacou a entidade como sendo um exemplo a ser seguido pelos outros sindicatos brasileiros. Exaltou a democracia, a combatividade e a interação cotidiana da direção com os trabalhadores de modo a conseguirem neutralizar diversos efeitos negativos da lei da Reforma Trabalhista e impactos da pandemia

Del Roy, que no passado já participou fisicamente das festividades do Dia Gráfico no Recife, e também da grande greve da categoria na antiga unidade da multinacional Quebecor, no Cabo/PE, ação sindical exitosa e reconhecida internacionalmente, voltou ao estado, agora de forma virtual devido à pandemia, para prestigiar os 87 anos do Sindgraf-PE. O líder da Conatig palestrou durante a reunião da direção sindical dos 5 mil gráficos pernambucanos na quinta-feira (22).

 

“A classe trabalhadora como um todo enfrenta talvez o pior dos momentos da história para a luta sindical em defesa da vida, emprego, renda, direitos e condições laborais. Antes da pandemia, desde 2017, com a retirada de mais de 100 itens da CLT, os desafios ampliaram. Com isso, a organização e luta sindical foram seriamente atingidas. O desafio é encontrar soluções diante desse caos. E o Sindgraf-PE tem sido um desses exemplos de como se pode enfrentar a conjuntura adversa. Tem feito aquilo que todo sindicato tem que fazer. Está ligado cotidianamente com a sua base de trabalhadores”, disse Del Roy.

 

O dirigente nacional reconhece que para se construir essa ligação da direção sindical e a base da categoria não é uma tarefa fácil e nem rápida. Mas não há outro caminho para nenhum sindicato sobreviver se não apostar nesta interação direta e constante. O movimento sindical precisa obter a legitimidade da classe trabalhadora de volta. “Em Pernambuco, é isso que o Sindgraf-PE possui e não é de agora, mas uma prática de décadas, liderado pelo gráfico Iraquitan da Silva”, destaca o líder da Conatig. 

 

Del Roy vai além. Entende que tudo é um ciclo para se obter a legitimidade da categoria e, processualmente, começa a colher os resultados disso, seja no enfrentamento para evitar retrocessos sobre direitos, salário e condições de trabalho, seja na luta por novas conquistas. E tudo isso vai se refletindo em mais trabalhadores sindicalizados, fortalecendo política e economicamente a organização sindical. 

 

“Avalio que, somente por conta dessa relação de confiança entre a direção sindical e a base dos gráficos em Pernambuco, a categoria, apesar de todos os desafios, confiou em partir para cima dos patrões em plena crise econômica em 2018, e conseguirem  rasgar uma parte importante dos efeitos negativos da lei da Reforma Trabalhista. Os trabalhadores, liderados pelo Sindgraf-PE, incluíram cláusulas de barreiras na Convenção Coletiva de Trabalho da classe no estado todo”, destacou o dirigente.

 

O diálogo permanente do Sindgraf-PE com a sua base, mesmo na pandemia, aliás, já há 13 anos por meio de uma comunicação sindical diferenciada e sistemática, falando sobre ações efetivas da entidade em defesa da vida, emprego e renda da categoria, é digna de grande validade para a construção deste ambiente de aproximação junto aos trabalhadores. 

 

Não por acaso, este modelo de comunicação sindical orgânica passou a ser adotado também pela Conatig. Del Roy esteve pessoalmente em PE para conhecer como funcionava e, desde 2015, tem replicado a nível nacional, colocando a disposição para todos os sindicatos dos estados do Brasil. 

 

SALVE OS 87 ANOS DO SINDGRAF-PE!

VIVA OS GRÁFICOS!!!

VIVA A CLASSE TRABALHADORA!!!

 

 

[+ Informe Diário]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda: *