(81) 3222.5390
Em 10 de novembro de 2021 - às 7:12

Em assembleia, gráficos deverão rejeitar perdas por erro de Bolsonaro

ASSEMBLEIA DECISIVA DOS TRABALHADORES DAS GRÁFICAS AMANHÃ (11), ÀS 19H, NO SINDGRAF-PE

O Sindgraf não é o dono da verdade. Mas tem acertado que só de forma coesa o setor gráfico poderá passar vivo pelo desgoverno Bolsonaro. A alta inflação é um dos resultados terríveis que impõem desafios para o empresário e ameaçam o trabalhador. Os gráficos, por sua vez, não podem ser penalizados. As empresas não podem transferir o erro do governo que vêm ou vinham apoiando contra o bolso dos empregados. Afinal, não faz sentido a ninguém ir trabalhar e não conseguir comprar nem manter a comida na mesa. Portanto, o setor precisa recuperar o poder de compra e a massa salarial da categoria. Para isso, deve reajustar em mais de dez porcento. É preciso ter responsabilidade social.

 

“Cada dia que passa mostra para o trabalhador, mas também ao patrão que Bolsonaro faz mal para todos, para o Brasil. Por isso, defendemos vida, emprego, renda e comida na mesa dos gráficos. Isso se chama responsabilidade social no trabalho. O patronal precisa ter. Esperamos contar com os trabalhadores nesta luta amanhã em nossa assembleia decisiva da campanha salarial 2021. Juntos, somos fortes”, fala Iraquitan da Silva, presidente do Sindgraf-PE. 

 

O Sindgraf garante a luta. O gráfico garante o sindicato. SINDICALIZE!

[+ Informe Diário]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda: *