(81) 3222.5390 - 3221.3099

Fala Presidente

Sem o resgate da luta, gráficos perderão o legado do 7 de Fevereiro

É dever sindical organizar o gráfico para o enfrentamento de classes em prol dos direitos coletivos e ainda para a redução da desigualdade social   

 

*Por Iraquitan da Silva

 

Na última sexta-feira (1º), faltando somente seis dias para os 96 anos do Dia Nacional do Gráfico, começou uma nova legislatura do Congresso Nacional. E, a partir do voto popular em outubro, para cada político ligado a entidades da classe trabalhadora, haverá cinco do setor patronal. Portanto, será sempre uma briga de cinco contra um quando a pauta for manter ou retirar direitos dos empregados. É a maior desigualdade entre representantes dos trabalhadores e patrões em 30 anos. Este será o cenário que o governo atual terá nos próximos 4 anos para buscar aprovar a ampliação da retirada de direitos trabalhistas e previdenciários e privatizações. Não adianta chorar. É fato! O Sindicato dos Gráficos (Sindgraf-PE) avalia que tudo foi resultado do voto da própria população, formada em sua maioria por trabalhadores e não empresário.

 

No entanto, como todo processo difícil pode provocar uma mudança em nosso comportamento, e para melhor, quando há uma consciência crítica e atitude firme, o Sindgraf-PE avalia que essa falta de consciência política da classe trabalhadora é de responsabilidade da maioria dos sindicatos. Segundo a entidade, deriva do acúmulo, nas últimas décadas, da falta de organização da classe trabalhadora para fazer o enfrentamento cotidiano aos patrões em defesa dos interesses mais sociais, da coletividade. Mas limitou-se às negociais burocráticas, sem o envolvimento e a participação efetiva da classe, para recompor/melhorar apenas questões econômicas.

 

Faz tempo que faltou e continua faltando a luta da maioria dos sindicatos para organizar a classe trabalhadora para fazer enfrentamento ao patrão e governos por uma sociedade menos desigual. Foi isso que os gráficos fizeram em 1923, responsáveis pela maior derrota do patronal ao garantir direitos coletivos para a classe pioneiramente, rebaixando a jornada diária de trabalho de 16 horas para 8 horas e legalizando o seu próprio sindicato. Foi por conta desse enfrentamento, de uma greve de quase dois meses, iniciada no 7 de fevereiro (dia que se tornou o dia do gráfico), mesmo sem qualquer proteção da lei, que até hoje temos os nossos direitos coletivos, os quais começaram a ser destruídos no governo Temer e piorará agora.

 

O legado (os direitos e o ensinamento de como deve ser a luta de classe) dos mártires do 7 de Fevereiro está sendo destruído por conta da maioria dos sindicatos diante da falta de organização da classe trabalhadora para fazer o enfrentamento aos patrões e às políticas contra os trabalhadores.

 

Os gráficos de 1923 nos provaram que nunca haverá um bom resultado sindical e social sem a participação efetiva da categoria nas negociações. Isso desperta a consciência da classe trabalhadora. É educativo para o despertar da luta de classe (capital x trabalho), eleva a correlação de força dos sindicatos para avançar em direitos negados pelo patronal e governo e é uma formação política, o que evitaria agora tantos políticos-patrões eleitos. A dor também pode ensinar. Sempre há tempo para mudar. É hora de todos sindicatos restabelecer o legado de luta de nossos mártires do 7 de fevereiro. Viva a luta da Classe Trabalhadora! Viva os Gráficos!

 

* Iraquitan da Silva – presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas de Pernambuco (SINDGRAF-PE) e diretor da Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas (CONATIG)

Amtrak CEO says B authentic jonas gray mens jersey tunnel morten andersen youth jersey replacement study may be of authentic rod streater mens jersey time given lack of funding From the overpass on Monroe Street, looking east as a train emerges from the Baltimore Potomac Tunnel that runs under Winchester Street. Congress Elijah Cummings MARC vikings john sullivan mens jersey Train Larry Hogan Planning for the replacement of the B Tunnel might be a of time, Amtrak CEO says should Amtrak be singled out and get this huge subsidy? > The head of Amtrak questioned whether a continuing study of replacement options for the troubled 140 year old Baltimore Potomac Tunnel under West Baltimore is a authentic rod streater womens jersey “waste of time,” given what he sees as a national failure to commit adequate funding to major passenger rail projects. “There is no money. There is no leadership. There is no delivery of what we need for the future of this nation,” Joseph Boardman, Amtrak’s president and CEO, said in an interview. “The resources necessary to rebuild the infrastructure of this nation do not seem to be on the radar in a way that actually delivers
quarter, due to reggie wayne youth jersey an increase in administrative expenses, primarily payroll related. Just as a reminder, on contemplating the fourth quarter, we anticipate to startup costs of our new distribution center will have an EPS impact of approximately $0.01 per diluted share. Also in the fourth quarter, we expect to earn $0.03 per diluted share due to the extra week. On a 52 week basis, Non GAAP earnings per diluted share in anticipated to be $2.50 to $2.52. Operating margin expansion in 2012 is expected to be generated from an increase in gross marginally, primarily driven by merchandise margin and occupancy leverage. SG as rams james laurinaitis youth jersey a percent of sales is expected to remain relatively flat, compared to 2011. Advertising and store payroll expense leverage is expected to authentic larry johnson womens jersey offset by increased administrative expenses. With the execution of our share repurchase program, diluted shares outstanding are expected to david hawthorne womens jersey be approximately $126 million for a full year. authentic eagles byron maxwell youth jersey So, much of the outstanding shares in 2011. For the full year, net capital expenditures
Articles Connexes: