(81) 3222.5390
Em 3 de junho de 2022 - às 10:16

Sem policiamento, crescem roubos e furtos no Recife. Sindgraf-PE é vítima

O 2° trimestre encerra no fim do mês e o Sindgraf-PE aguarda o balanço da Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco sobre roubos e furtos, visto que, com o crescimento da desigualdade socioeconômica, essa modalidade de crime cresceu no entorno da sede do Sindicato dos Gráficos do Estado, sendo vítima por vários dias, mesmo depois da SDS já ter sido informada. No último furto, mesmo com fortes chuvas, levaram pesados condensadores do ar-condicionado, de cima do telhado, sem serem incomodados pela PM

No primeiro trimestre, por sua vez, a Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco informou que os roubos caíram em 6,3%. Disseram que, neste ano, de janeiro a março foram contabilizados 12.049 casos ante 13.239 no mesmo período de 2021. Logo, houve uma pequena redução de 830 ocorrências. Sem falar nos casos não registrados. Entretanto, neste segundo semestre, especificamente em maio, o Sindgraf já foi invadido por mais de uma ocasião. A resposta recebida da SDS, até agora, foi que está ciente e já acompanha o caso.

 

Apesar da informação burocrática do órgão, os furtos continuam em volta de onde está localizado o Sindgraf-PE, no bairro central de Santo Amaro, no Recife, próximo inclusive da SDS. “Diante da falta de policiamento, em especial à noite e na madrugada, a   insegurança é generalizada. Furtos não param, mesmo sendo em uma área onde funcionam os principais jornais e a TV Globo”, critica Iraquitan da Silva, presidente do Sindgraf-PE.

 

Dada à impunidade, a situação é tão grave que os furtos no Sindgraf-PE foram realizados em dias seguidos. Primeiro, escalaram o prédio de mais de cinco metros de altura para levar os cabos dos ar-condicionado, a fim de retirar o cobre e vendê-lo em ferros velhos. Populares chegaram até a pegar um suspeito. Ainda assim, nos outros dias, voltaram mais vezes.

 

Da última, mesmo com fortes chuvas, levaram pesados condensadores do ar-condicionado, de cima do telhado, sem serem incomodados pela PM. Lojas perto do Sindgraf-PE também sofreram investidas, além de roubos a carros de vizinhos ao sindicato. Iraquitan espera que o Governo do Estado, através da sua SDS, tome alguma atitude para pôr fim a essa onda de roubos/furtos na localidade, sobretudo diante do crescimento da desigualdade socioeconômica ora provocada por políticas neoliberais que agravam a selvageria do capital.

[+ Informe Diário]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda: *