(81) 3222.5390 - 3221.3099
Em 10 de fevereiro de 2020 - às 9:31

Sindgraf-PE lança a campanha ‘Não deixe a chama (do sindicato) apagar’

Dia do Gráfico – Mais que uma festa. Em celebração ao 7 de Fevereiro, os gráficos reuniram-se no Clube de Cabos e Soldados, na sexta-feira, e foram convocados pelo Sindgraf-PE para ampliarem sua unidade junto à entidade, pois mantendo essa chama viva, os direitos serão preservados. Aqueles que já foram filiados que voltem aos quadros de sócios. E que se associem aqueles que nunca foram. SINDICALIZE-SE AQUI. Basta clicar!

Na última sexta-feira (7), a família gráfica esteve reunida outra vez para festejar o Dia Nacional da categoria, que é feriado nas gráficas do estado em função da LEI DO GRÁFICO, construída através da luta liderada pelo sindicato em favor da classe todo ano. O feriado é apenas um de dezenas de direitos mantidos todo ano, mesmo depois da lei da reforma trabalhista. Contudo, em 2020, a categoria precisará ampliar sua unidade em torno do sindicato para evitar perdas sobre os direitos diante dos efeitos desta reforma também sobre a entidade de classe. Para evitar isso, a campanha ‘Não deixe a chama (do sindicato) apagar’ foi lançada na última sexta. SINDICALIZE-SE AQUI!

“Não queremos a contribuição de nenhum gráfico de forma obrigatória. Ninguém deve fazer nada obrigado. Por isso ninguém precisa dar um dia do seu trabalho para manter o sindicato. Mas queremos e precisamos da participação dos trabalhadores de forma livre. E conscientes de que se não chegarem junto, associando-se, a chama do sindicato pode apagar. E sem o sindicato, a LEI DO GRÁFICO também apaga na sequência”, diz Iraquitan da Silva, presidente do Sindicato dos Gráficos de Pernambuco.

A LEI DO GRÁFICO foi criada pela 1ª vez em 1923, depois da categoria ter iniciado no dia 7 de FEVEREIRO uma greve de 42 dias nas empresas. “Estamos aqui festejando está dada que completa 97 anos – dia em que os gráficos unificados no mesmo ideal (emprego com direitos e dignidade) e junto do seu sindicato, enfrentaram todas as dificuldades e venceram. Hoje peço a vocês para não deixarem essa chama apagar. Não deixam a chama do seu sindicato apagar. Acredito que 2020 será mais um ano de história, mais um ano de luta em defesa de nossos direitos”, diz Iraquitan.

Portanto, de forma livre e consciente, o Sindicato espera que a categoria atenda o chamado da entidade para juntos manterem essa chama acesa. Não deixe a chama (do Sindgraf) apagar. Para isso, é preciso e urgente se sindicalizarem. Aqueles trabalhadores que já foram filiados que voltem aos quadros de sócios. E que se associem aqueles que nunca foram. “Já tivemos uma resposta inicial de parte da categoria. Alguns se associaram no local. Outras dezenas garantiram que vão conversar com seus colegas de trabalho para fazerem o mesmo. ‘Não deixe essa chama se apagar’

[+ Informe Diário]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda: *