(81) 3222.5390 - 3221.3099
Em 16 de outubro de 2019 - às 8:04

Sindgraf-PE se reúne com a nova diretoria do Diário de Pernambuco

A entidade dos trabalhadores da categoria se reúne hoje também com o sindicato patronal dos jornais do estado sobre a campanha salarial 2019

No final da tarde de hoje, após solicitação do Sindicato dos Trabalhadores Gráficos (Sindgraf-PE) anteontem, o presidente da entidade, Iraquitan da Silva, reúne-se com o novo diretor de Gestão do Diário de Pernambuco, Clovis Silveira Barros Júnior.  Na pauta, discutir sobre os objetivos do novo dono do jornal mais antigo em circulação na América Latina, recém vendido pelos irmãos Rands. E também quando serão corrigidas as pendências deixadas pela antiga gestão do jornal sobre os direitos dos gráficos do local, bem como a normalização do pagamento salarial e demais direitos, inclusive da Convenção Coletiva.

 

O novo diretor do DiárioPE atendeu a solicitação da reunião rapidamente, diferente da postura da antiga gestão. “O encontro é indispensável para tratarmos das pendências trabalhistas deixadas e como ficará a obrigação patronal com os gráficos daqui para frente. Logo, nossa meta é preservar o interesse dos nossos representados”, diz Iraquitan da Silva. A maioria dos gráficos de lá já são sindicalizados.

 

“Quem trabalha merece receber seu salário na quinzena e no fim do mês. A nossa convenção inclusive descreve as respectivas datas. Cobraremos, na forma da lei, que o novo dono não repita a prática dos Rands. O Diário é um jornal de peso e tradição, inclusive na sua qualidade e na valorização dos profissionais. Esperamos que este seja o objetivo do novo dono”, diz Iraquitan. Portanto, o pagamento salarial deve ser normalizado. Também é preciso regularizar o FGTS dos últimos anos, pagar as férias de todos, quitar ainda o passivo trabalhista deixado com verbas rescisórias e etc..

 

No mesmo dia ainda haverá uma reunião com o sindicato patronal dos jornais de Pernambuco. Será a terceira reunião em poucas semanas. Na pauta, o reajuste salarial e a renovação da LEI DO GRÁFICO (convenção coletiva). Está em jogo todos direitos coletivos da categoria dos jornais. O Sindgraf consultou os gráficos sobre o desejo do patronal de que trabalhassem nos domingos como dias normais. A revolta foi geral e rejeitaram. A categoria, por sua vez, reivindica ganho real e melhorias na sua convenção. O sindicato orienta aos gráficos que ainda não forem sindicalizados, que se associem e fortaleçam a luta da categoria. Sindicalize-se!

[+ Informe Diário]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda: *